25.4.08

Crónicas de uma viagem (I).

Chegamos sentindo-nos como exploradores cansados, depois de um dia em que os quilómetros percorridos na savana infindável, nos traz à memória a epopeia de Serpa Pinto e aquela travessia solitária e arriscada que moldou a imagem de um homem. Chegamos com África entranhada, acreditando que existem seis sentidos e não cinco. O jipe, indolente e tão cansado como os viajantes, aproxima-se vagaroso do lodge que haveria de ser o nosso poiso por dois dias, e que nos recebe de braço dado com o crepúsculo africano, um momento único em que o sol parece dar as boas vindas à lua. Quem nos recebe abre um sorriso amistoso e cumprimenta-nos num inglês a roçar o perfeito. Um nativo vestido de branco com um porte que não deixa esconder as origens Masai, acompanha-nos aos nossos aposentos, uma tenda Vitoriana inesquecível, revestida de cores fortes e acolhedoras. O detalhe, o requinte e a atmosfera romântica perfumada pelo odor de alfazema, trouxeram-me à memória passagens de a Verdade ao Amanhecer de Hemingway, um apaixonado por estas terras atravessadas pelo equador. Que outra recepção poderia haver para viajantes fatigados nos confins de Mara? Do banho, que seria tomado já ao anoitecer, darei conta na crónica seguinte.

5 comentários:

av disse...

Primeiro senti-me transportada para lá pelas suas palavras, Mike. Depois apeteceu-me fazer as malas e seguir para lá hoje mesmo, tal é o apelo por essas paragens e a qualidade da sua descrição.
Mas como não posso fazê-lo agora, infelizmente, fiquei a roer-me de inveja...

Mike disse...

AV, palavras que não conseguem descrever uma viagem que nos marca irremediavelmente e para sempre. Não pode fazê-lo agora mas recomendo que faça um dia. :)
E obrigado.

PSB disse...

O primeiro impacto da fotografia da tenda fez-me pensar na que foi montada pela Cimeira de África para o Kadafi.
A sua descrição transportou-me ao ambiente aventureiro e romântico do Out of Africa, com evocações da banda sonora inesquecível.
E, no recôndito da minha memória, lembrou-me a minha experiência africana, no Zaire, há um bom par de anos (83), vivida em circunstâncias muito particulares (representante da Camel Portugal no Camel Trophy desse ano, 1000 milhas a atravessar a selva africana), toda ela também inesquecível.
Tenho gravadas as imagens dos esplendorosos pôr e nascer do sol, das paisagens a perder de vista, mas também das chocantes imagens da miséria mais miserável a viver paredes meias com a opulência absurda do Sr.Mobutu Sese Seko, dono de tudo quanto luzia, nesse tempo, no Zaire, entre o qual o hotel onde fiquei hospedado em Kinshasa, da cadeia Intercontinental a que pertencia o nosso Ritz, de um luxo paradisíaco (acho que foi o melhor hotel onde estive na vida).
Fico atento a aguardar pelo desenvolvimento desta sua crónica magnífica. Parabéns.
Um abraço

Mike disse...

Agradeço as suas palavras e a partilha da sua experiência em terras africanas, psb.
Um abraço.

文章 disse...

走光,色遊戲,情色自拍,kk俱樂部,好玩遊戲,免費遊戲,貼圖區,好玩遊戲區,中部人聊天室,情色視訊聊天室,聊天室ut,成人遊戲,免費成人影片,成人光碟,情色遊戲,情色a片,情色網,性愛自拍,美女寫真,亂倫,戀愛ING,免費視訊聊天,視訊聊天,成人短片,美女交友,美女遊戲,18禁,三級片,自拍,後宮電影院,85cc,85cc免費影片,免費影片,線上遊戲,色情遊戲,日本a片,美女,avdvd,色情遊戲,情色貼圖,女優,偷拍,情色視訊,愛情小說,85cc成人片,成人貼圖站,成人論壇,080聊天室,080苗栗人聊天室,免費a片,視訊美女,視訊做愛,免費視訊,伊莉討論區,sogo論壇,台灣論壇,plus論壇,維克斯論壇,自拍

Arquivo do blog