11.11.09

4 & 1 Quarto?

Uma mulher e um homem.
Outra mulher, outro homem.
As almas suspensas, adiadas, dilatadas, transidas.
Atrevem-se e gozam. Juntos. Os quatro. Até ao fim.
Dois homens agora. Duas mulheres de fora.
Onde fica o amor? Que sobra a alma?
Talvez pouco. Talvez tudo.
Não sabem. Alguém sabe?

Não vos vou contar o fim do mais recente romance da Rita Ferro, até porque ainda não sei como é o princípio. Mas mesmo que soubesse, não contava. É que em 20 anos e depois de 20 livros, a Rita não gosta que lhe contem o fim.

5 comentários:

Luz disse...

Mike

A introdução já me deixou com vontade de continuar a leitura....
Beijinhos

Margarida disse...

Já li.
Então uma morre, a outra não se perdoa pelo mal que lhe causou e recomeça a vida noutro país, eles recuperam facilmente e encontram duas gêmeas com quem recomeçam a história.




(Mentira. Estou-me a meter consigo)

Mike disse...

Luz,

A mim também. Hei-de lê-lo. :)

...................................

Margarida,

Ai se a Rita Ferro descobre que já está a contar o fim... (risos)
E estou a achar esse final algo romântico. ;D

bacouca disse...

Mike,
Juro que não tenho uma mente perversa mas como sei que está em Amesterdão pensei logo: "pifou"!
Descansei quando vi que era um excerto do 20º livro da Rita Ferro!
Eu talvez saiba o que "sobra" desde romance mas é melhor não dizer porque pode ser talvez pouco...ou quem sabe talvez tudo!
Xi

Mike disse...

Bacouca,

Juro que pensei que a senhora tem uma mente preversa. (gargalhada)
Já cheguei de Amsterdão e... shiiuuu... nada de de contar o que quer que seja. (risos)

Arquivo do blog