18.1.09

As mulheres, o Diabo e o Anjo. (II)

Entrou na sala e livrou-se-se dos sapatos de salto alto enquanto se encaminhava para o gravador de mensagens. Apertou o botão e pensou quão obsoleto era o aparelho, mas nunca tinha tido vontade de separar-se dele. Deixou que o peso do corpo a atirasse para o confortável sofá, que a recebeu lânguido, e fechou os olhos escutando as mensagens. O Diabo apressou-se a pendurar-se num dos ombros com um sorriso conhecido por ela. Olhou para o outro ombro e reparou que o Anjo já lá estava, sentado com a cabeça apoiada nas mãos. Sorriu. Conhecia bem aqueles dois, como conheceu de imediato as vozes que o gravador debitava, do Patrick primeiro, e do Fabrice a seguir, com propósitos diferentes. Liga ao Patrick – adiantou-se o Diabo. Não vais fazer isso, pois não? – perguntou-lhe de pronto o Anjo. Precisas de te divertir, liga ao Patrick – insitiu o Diabo. Precisas é de ter juízo – retorquiu o Anjo. Não vás na conversa-mole desse Fabrice, é um chato – o Diabo não desarmava. Sabes o que te espera com o Patrick – disse-lhe o Anjo, levantando a voz. Não há quem vos aguente, vocês são uns chatos. Levantou-se bruscamente, fazendo-os tombar desamparadamente. Ei, o que é te deu? – perguntou o Anjo combalido. A culpa é tua – grita o Diabo enfurecido com o Anjo. Vou buscar um vodka. São servidos? Isto não está a tomar um bom caminho – sussurrou o Anjo com ar preocupado. Isto está a compor-se, pensou o Diabo. Está a tomar um bom caminho e eu também tomo, mas é um vodka contigo. O Anjo abanou a cabeça em sinal de reprovação. Ela voltou à sala com dois copos. O Diabo esperava-a com um sorriso maléfico e o Anjo com um ar desconsolado. Não se deixou abater e, pulando para o ombro dela, segredou-lhe porque não devia ligar ao Patrick. Ela esboçou um sorriso e sentiu um arrepio. O copo do Diabo esvaziou-se enquanto ele esfregava um olho. O Anjo aproveitou para lhe dizer porque devia responder ao Fabrice e ela suspirou desinteressadamente com os olhos fixos no tecto. O Diabo sentiu que a noite seria dele. Vou buscar a garrafa – disse entre dentes – de certeza que não queres um copo, anjinho chato? Ele tem razão, às vezes és um chato, sabias? – disse ela fitando o Anjo que, não se contendo, largou um sonoro palavrão. Então? estás a passar-te? que linguagem és essa? O Anjo corou e pediu-lhe desculpa. O Diabo rebolava de tanto rir a ponto de quase deixar cair a garrafa. Chegou à sala com um sorriso triunfal e perguntou-lhe, seguro de si, se queria mais um vodka antes de telefonar ao Patrick. Vá serve-me mais um copo – responde-lhe ela com um ar fatigado. Eu também quero um – disse-lhes o Anjo. Seja o que Deus quiser, pensou, encolhendo os ombros. Fez-se silêncio na sala. Então? a quem vais telefonar – perguntaram o Diabo e o Anjo em uníssono. A ninguém! Vou-me deitar, estou farta daqueles dois. E de vocês também. Levantou-se, caminhou decidida para o quarto e deitou-se, aninhando-se nos lençóis, abandonando-os na sala, que aos outros dois já tinha abandonado, só que o Diabo e o Anjo ainda não sabiam.

17 comentários:

Luísa disse...

Não sei porque fico com a sensação – que extraio da caracterização das personagens – de que há aqui uma muito maior identificação com a criatura das trevas do que com a da luz… que acaba, de resto, por ser arrastada para caminhos sombrios. Receio que na perspectiva do autor do texto, Patrick, Fabrice, Anjo e até Diabo não passem todos de uns «anjinhos», porque o verdadeiro «diabinho»… Está mal, menino Mike, está mal! ;-S

fugidia disse...

lol lol lol

Hum... eu acho que ela encontrou foi um belo de um pirata; e não é o javierzito nem o patrick, o fabrice, o anjo ou o diabo...
;-D

sum disse...

[risos) Gosto destas histórias!!... Acho sempre muito interesante a forma como se resolvem, vindo do sexo oposto...
Afinal, afinal os diabinhos têm sempre muito mais interesse!!!!
;)) ou é impressão minha...

(gargalhada)

cristina ribeiro disse...

Está a ver, Mike, está a ver como, chegada a hora da verdade ela sabe, sozinha, encontrar o que verdadeiramente lhe interessa?
( mas como já sei, já o fez uma vez, como o Mike é perito em dar a volta ao texto...:) )

Mike disse...

Acredite que se trata apenas de uma sensação sua, Luísa. (riso contido)
Nesta história ela decidiu sozinha e seguiu o caminho dela. Não creio ter sido o das trevas e só não é o da luz porque deve dormir de luz apagada. (riso contido a custo) ;D

Mike disse...

(muito risos)
Se calhar foi o que aconteceu, Fugidia... esperemos pelo desenrolar das coisas. ;-)
Mas com comentadoras como a Luísa, que acha que são todos anjos e o único diabinho é o autor do texto, isto torna-se complicado. (mais risos)

Mike disse...

(gargalhada)
É a Sum que acha que os diabinhos têm sempre muito mais interesse... eu não disse nada. (riso abafado)
Nesta história ela decidiu sem os ouvir mas creio que nem sempre será assim... ;D

Mike disse...

E não foi mesmo assim, Cristina? Ela decidiu sozinha e, desta vez, não deu ouvidos a diabinhos ou anjinhos. Coisa que os homens têm dificuldade em fazer. Mas isso não vem ao caso... (risos)

JúliaML disse...

eu não entendi nada desta conversa entre diabos e anjos.

que mal lhe pergunte, Mike, não estariam no final já todos zonzos com tanto vodka ?

LOL

Mike disse...

(gargalhada)
Júlia, creio que o capítulo III nos mostrará quem ficou zonzo com tanto vodka. (risos)
Nesta história ficou provado que as mulheres têm aquela capacidade enata de, às vezes, não darem ouvidos a diabinhos ou anjinhos.
:-)

JúliaML disse...

ainda bem, é sinal que temos personalidade, não somos influênciaveis

quanto a vós LOL

Mike disse...

Humprfff!!!
Tinha que aproveitar a oportunidade, não é menina Júlia?

ana v. disse...

Já está tudo dito, excepto dar-te os parabéns pela imagem, que é deliciosa. Eu quero um saleiro/pimenteiro igual a este!!

Mike disse...

Ah, minha cara, só podes escolher um... e qual será então? (muitos risos)

ana v. disse...

Mas eles têm graça é juntos! Quero os dois: sal e pimenta são essenciais num cozinhado, ora.

Mike disse...

Ah, as mulheres... nunca se contentam com muito, querem sempre mais, e mais e tudo... :-)

Anónimo disse...

Uѕеful infοrmatiοn. Fortunate me Ι disсovereԁ your ωebsite by acciԁent,
and I'm shocked why this coincidence didn't cаme about eаrlier!
I bοokmarκed it.

Alѕо visit my wеb sіtе
:: payday loans

Arquivo do blog