3.1.09

As mulheres de Botero não param de pensar. Ainda bem.

São todas belas e desejáveis. Sedutoras e apetecíveis. Têm um rosto redondo, de feições graciosas e inocentes, e um ar depravado e insaciável. Uns lábios de desenho perfeito e uma boca carnuda onde nenhum beijo arrebatado se perde. E as mãos, sensuais e cuidadas, com as unhas pintadas de vermelho-paixão-selvagem, a que um homem deseja entregar-se. E o corpo? Que formas! As coxas roliças e generosas, os glúteos firmes e proeminentes, formando um triângulo carnudo no fundo das costas. São mulheres belas, encantadoras e submissas. Emanam volúpia e pecado, as mulheres de Botero.

32 comentários:

JúliaML disse...

estive a apontar num caderniho, Mister, para comparar e concluí que só não tenho o triãngulo carnudo. Isso deve ser algum quisto sebáceo, Mike...veja lá se não é..

JúliaML disse...

já me esquecia que também penso LOL

Mike disse...

Só não tem o triângulo carnudo?Verifique bem, Júlia, verifique outra vez que deve lá estar o triângulo... (risos)
E pensa? Isso começa a ser um problema... (mais risos)

fugidia disse...

«... não pensam. Ainda bem.»

Ainda bem?!?
Como ainda bem?!?
Mas afinal, o Mister prefere as formas roliças e generosas, o ar depravado e insanciável and so on a ter uma mulher que pensa?!
Hum... curioso...

(P. S. Que raio é esse «triângulo carnudo no fundo das costas», a propósito? Só conheço triângulos carnudos à frente... que mulheres estranhas as suas, Mister, credo!)
:-)

Mike disse...

Já corrigi, Fugidia... pensam e muito, por isso têm essas formas... hum... hã... deliciosas... com triângulos carnudos... (risada)

fugidia disse...

Humpfrt!, assim está melhor :-p

(e o triângulo carnudo... pode ser mais explícito, sff, que eu, de tanto pensar, me sinto lerdinha a esta hora? :-) )

fugidia disse...

P. S.
Com esta belíssima declaração de amor às mulheres de Botero, sinto uma vontade enorme de mandar a dieta às malvas e começar a comer chocolates às toneladas (risos contidos)

Mike disse...

Mais explícito que a fotografia, Fugidia? Olhe lá bem para o sítio onde as costas mudam de nome e se passam a chamar glúteos... está lá um triângulozinho carnudinho... (riso abafado)
E mande a dieta às malvas, menina... :D

fugidia disse...

Hum... já vi... acha-o delicioso?!
Credo!

(inserir, sff, cara-a-revirar-os-olhos-e-a-pensar-que-estes-senhores-têm-cá-um-sentido-estético-que-faz-favor...)

JúliaML disse...

eu faço-lhe Reiki,está está a pedir, mesmo na pojição LOL

Mike disse...

Delicioso, Fugidia... essa é a palavra... (risos)

Mike disse...

Ó Júlia deixe-se dessas coisas modernas que a moça está perfeita assim. ;D

JúliaML disse...

já vi o rectangulo dela!!

são as cruzes, é assim que chamam na minha terra :-(

Mike disse...

Credo, cruzes, Júlia... mas carnudas estas... (gargalhada)

Luísa disse...

Só consigo conciliar feições graciosas e inocentes com ar depravado e insaciável em criaturas muito sonsas, Mike. Cá para mim, estas mulheres de Botero «exalam» sonsice, o que não faz – estou absolutamente certa – o seu género. E o Mike só no-las atira em cara para nos provocar, a nós – Fugidia, Júlia e eu própria – que temos estruturas ósseas convenientemente cobertas, mas sem tortumelos, nem excessos, nem desvios de uma linha de perfeito equilíbrio sanitário e estético. (cenho vagamente carregado de indignação)

Rosarinho disse...

Estranho muito que nenhuma das senhoras se tenha insurgido com a apologia que o Mike fez da submissão feminina...

fugidia disse...

Mas Rosarinho,
quando o Mister fala de mulheres de Botero só está a pensar (eu disse pensar?... ui!) no pecado da carne e quanto o... hã... acha delicioso.
É uma questão de... degustação e mau seria (para ele, coitado!) que o objecto das suas delícias não se mostrasse submisso...
Enfim, adiante: aguardemos os posts mais... poéticos ;-)

Mike disse...

A Luísa é uma excelente observadora. As mulheres de Botero são deliciosamente sonsas, duma sonsice que faz adivinhar muitas contrariedades. Mas são irresistíveis. Mas nada temeis, senhoras, que belas sois. E os homens não ligam apenas ao físico e a tortumelos, excessos e desvios de linhas... (gargalhada abafada)

Mike disse...

Rosarinho, a submissão feminina faz antever uma entrega sem reservas e uma devoção grandiosa. No caso das mulheres de Botero, a submissão é uma decisão bem pensada. (sorriso cândido)

Mike disse...

Mas Fugidia, há outro pecado em que um homem (ou uma mulher) possam pensar, menina? Já ouviu falar, porventura, do pecado dos ossos? Agora deu em desconversar, foi? (gargalhada)
E há algo mais poético que o corpo de uma mulher? Olhe que eu sou aquele "poeta" que só quer é beber o vinho... (muitos risos)

cristina ribeiro disse...

Quer-me cá parecer, Mike, que isto é um prelúdio de um rapto: muita ênfase nesses atributos :)
Cuidem-se as Boteroanas...

Mike disse...

(muitos risos)
Ah, mas são atributos a que se deve dar ênfase, Cristina. :D

Grande Jóia disse...

Isto só pode ser a repetição de provocação anterior e que belo pensamento tem ...a provocação,claro! (risos)

Mike disse...

GJ, um belo pensamento, e não é só a provocação, claro... (mais risos)

**** disse...

Com este "pensar" até dá gosto ser roliçinha.

Mike disse...

****, se pensar faz engordar, então espero que as mulheres nunca parem de o fazer... (risos)
Bem vinda e bom ano. :-)

ana v. disse...

Chego atrasada porque tenho estado sem net, e vejo que só a Rosarinho (além de mim) reparou na palavra "submissa". A mim, faz-me simplesmente urticária! E a tua explicação, Mike, só piorou as coisas: "a submissão feminina faz antever uma entrega sem reservas e uma devoção grandiosa"? Para mim, uma entrega sem reservas tem muito de voluntário e muito pouco de submisso, ora essa! E... UMA DEVOÇÃO GRANDIOSA????
Como costuma dizer a Fugi... Hummmpf!

Mike disse...

Chegas atrasada e com os azeites... (gargalhada). Ó Ana, e a submissão não é sempre voluntária? (riso abafado)

ana v. disse...

Nem sempre, Mike. Ou melhor: quase nunca. Acho que estás a confundir submissão com entrega, e são coisas muito diferentes!

E quanto a essa da "devoção grandiosa", não há liberdade poética que te safe...

Mike disse...

E vocês a darem-lhe com a liberdade poética... acho que me deviam prender e assim acabavam com a liberdade... (risos)

Luz disse...

Mike,
Como diz Roberto Carlos:
"Amo você assim e não sei porque tanto sacrifício
Ginástica dieta não sei pra que tanto exercício

Olha eu não me incomodo um quilinho a mais não é antistético

Pode até me beijar pode me lamber que eu sou dietético

Não acho que é preciso comer de tudo que tem na mesa

Mas passar fome não contribui em nada para a beleza

Já no passado os mestres da arte diante da formosura
dispensava o charme de uma gordinha em sua pintura

Gosto de me enconstar nesse seu decote quando te abraço

De ter onde pegar nessa maciez enquanto te amasso

Eu não sou massagista e não entendo nada de estética

Mas a nossa ginástica é mais gostosa e menos atlética

Coisa bonita, coisa gostosa, quem foi que disse que tem

Que ser magra pra ser formosa? Coisa bonita, coisa gostosa"
Beijos brasileiros

Mike disse...

Oi Luz, obrigado pela sua visita. Seja bem vinda. :-)

Arquivo do blog