28.9.09

Preparada, GJ?

São Paulo é uma cidade de trabalho. É a city brasileira. Não é uma cidade de lazer puro, como o Rio de Janeiro onde o dolce fare niente é uma realidade. Um lazer colocado a preceito para quem trabalha. Uma metrópole assustadora, pela sua dimensão, imensa população (consta que são já mais de vinte milhões) e betão erguido. Quem chega de dia, como acontece (ou acontecia quando lá vivi), ninguém deixa de se impressionar com o tamanho da capital paulistana. Pergunta-me a afortunada GJ, que dicas lhe poderei dar, apesar de A dever remeter para a Marie. A primeira questão que se coloca é se vai passar algum fim-de-semana em São Paulo. Se sim, rume ao litoral e instale-se no Beach Hotel em Maresias e jante em Camburi, no Manacá (aconselho marcação). Em São Paulo, a capital gastronómica da América Latina, esqueça o regime e delicie-se no Figueira, no Gero ou no Fasano. Não deixe de ir beber um drink e ouvir (boa) música ao vivo no Sky, no Hotel Unique, de onde avistará a cidade até perder de vista. Eu não sou grande fã de museus, mas gostei de ter ido ao MASP (Museu de Arte de São Paulo) e ao MAC (Museu de Arte Contemporânea). Aí poderá aproveitar para passear no Parque Ibirapuera. Passeie pelo bairro dos Jardins e se for o caso, perca a cabeça numa das lojas da Rua Haddock Lobo. Não deixe de ir ao teatro (lá há muito bom teatro) e depois vá cear ao Forneria São Paolo, na Rua Amauri. Um derradeiro conselho para quem chega (não, não vou falar de segurança): compre a Veja que o destacável cultural e gastronómico é completo e muito útil. Se gosta de cerveja e de lugares típicos, beba uma no Bar do Leo, um boteco que é um must em São Paulo, lá bem no Centrão. Valeu? Boa viagem, divirta-se e espero que goste tanto como eu. São Paulo é uma cidade que trarei para sempre no coração.

p.s. – Aconselho a levar palas para o Senhor Jóia, que lá até frentista* é gostosa.

* moças que trabalham nas bombas de gasolina.

16 comentários:

Ana Mestre disse...

MINHA SÃO PAULO
(Ivone Carvalho)

São Paulo é terra querida,
Onde nasci e sempre vivi.
Sampa representa VIDA
O que pensar se encontra aqui.
Vila fundada por jesuítas
sem dúvida, a mais progressista
a mais moderna, a mais mista
Maior cidade da América Latina!

Cidade das contradições,
das misturas, da cobiça,
da ambição, do romantismo,
da arte, cultura, dinamismo,
do estrangeiro é o destino,
também do gaúcho e mineiro,
do nortista e nordestino,
gente do Brasil inteiro!

Terra da gastronomia,
das belezas naturais,
da natureza modificada,
da tradição, da instrução,
terra de todas as nações,
raças, cores, religiões,
do modernismo, do progresso,
da bela arquitetura, do sucesso.

De arrojada engenharia,
da pressa, da correria,
do dinheiro, do investimento,
da garoa, dos alagamentos,
do céu estrelado, da lua cheia,
do arco-íris, da poluição,
do túnel sob o Pinheiros
da Ipiranga com a São João.

do trabalhador responsável,
do Tietê que já foi navegável,
do turista, dos imigrantes,
do trem dos estudantes,
da pobreza e da riqueza,
da insegurança, da esperança,
da droga, da geração saúde,
da ousadia, da pujança.


Da Paulista, das Marginais,
dos qualificados profissionais,
do desemprego, da lisura,
dos aproveitadores, dos “espertos”,
da indústria da multa, do camelô,
das muitas linhas de metrô,
da Lapa, Ibirapuera, Jaguaré,
do Brás, Ipiranga, Tatuapé.

Do Bexiga, Mooca, Liberdade,
do teatro, cinema, balada,
tem tudo nesta cidade!
O churrasco a qualquer dia,
quarta e sábado é feijoada!
chopp no bar ou calçada
pós o trabalho, no verão,
bate-papo em toda estação.

De trânsito congestionado
É carro pra todo lado,
Ao paulistano irrita.
Da indústria e do comércio,
Sede de grandes congressos,
Da Festa da Aqueropita,
da Serra da Cantareira,
é a Capital altaneira!

Tem Jardins e Alamedas,
Tem a Bolsa de Valores,
Terra da Sé, da Catedral,
Do Horto Florestal,
Do grande Memorial,
Dos Centros de Convenções.
Da Roosevelt e da Luz,
Que dos trens são estações.

Tem o Pico do Jaraguá,
Templos de todas as crenças,
Tem tudo em que tu pensas
Tem o Arnesto e o Trem das Onze,
Tem o Sampa do Caetano
exposições no MASP todo o ano,
O pastel e os musicais,
Todas comidas regionais.

São Paulo tem tudo isso
E, garanto, tem muito mais!
quatro e meio séculos de vida,
onde o viver é corrida,
só nos falta, aqui, o mar!
desenvolvimento sem vírgula,
pois seu lema determina:
A cidade não pode parar!
:)

fugidia disse...

Hum... já vi que não vai poder lá voltar sozinho, Mister... ;-)

Mike disse...

(sorriso)
Ana,

A minha São Paulo, a que eu conheci, é assim como essa da Ivone Carvalho. :D
"A cidade não pode parar" e não pára mesmo, com hipermercados abertos 24 horas por dia, 7 dias da semana, ginásios abertos às 3 da manhã, etc, etc, etc. :)

...................................

Fugidia,

Não percebo porquê... (sorriso inocente)

Ana Mestre disse...

Não conheço, mas acredito que assim seja como ela o diz...

fugidia disse...

Não?! Sério?! Humpfrt!
:-p

Mike disse...

Ana,

É exactamente assim. :)

...................................

Fugidia, :P

GJ disse...

Agradeço ao Mike, as maravilhosas dicas para fazer tudo aquilo a que tenho direito.:))
São Paulo será a matriz de trabalho, bem como Teresina e Manaus. Pelo meio terei uns dias para ir a Salvador. Desta vez não sei se terei tempo para dar um salto ao Rio, como me sugeriu. Bem que gostava...
Depois ó colega vou aquele restaurante onde se pode entrar de jeans, é isso? ( risos de memória grande)

JB disse...

Obrigado pelas dicas. Sigo para S. Paulo na 5ªfeira.
Curioso este mundo da blogoefera, cheio de coincidências.
Obrigado e até ao dia do puro...
JdB

Patti disse...

Palas nos olhos... uma boa ideia sim senhora, espero que tenha seguido á risca o seu próprio conselho

GJ disse...

Quer ver que é desta, João, que vai encontrar "a garota" de S. Pedro do Estoril :)

GJ disse...

Mike, essa das palas também me parece boa ideia, mas é o tempo todo ou posso dar uma folga de vez em quando ... para meu próprio benefício? (risos)

JB disse...

GJ: who knows...
Entre 2 e 5 estarei por minha conta. A partir de 5 e até 9 estarei numa convenção mundial de "Acreditares", que se realizará no Hotel Transamérica. Depois será o regresso ao solo pátrio. Se passar por lá perto...

GJ disse...

João, vou tentar passar por lá, maybe! Who knows...

bacouca disse...

Mike,
Quem avisa amigo é! Claro que me referia à pala ou venda para o Sr.Jóia!!!
A GJ vai bem informada e só desejo que tire o melhor proveito. Com um "pisteiro" destes não há dúvidas.
Um beijinho

Mike disse...

GJ,

De nada, foi um prazer. Espero que tenha uma boa estadia. Quanto à palas para o Senhor Jóia, tenho a certeza, apesar do meu conselho, que não serão necessárias... ;D

...................................

JB,

Seja bem vindo e não tem que agradecer. O mundo da blogosfera é realmente repleto de coincidências. Espero que goste de São Paulo. Um abraço e boa estadia.

...................................

Patti,

A menina não seja venenosa. Eu ainda hoje tenho a marca das palas no meu rosto. (risada)

...................................

Bacouca,

Na verdade creio que o Senhor Jóia não precisará das palas, mas pelo sim, pelo não, ficou o conselho à GJ. (risos)

GJ disse...

Já coloquei na mala as palas. Pelo sim pelo não, levo-as na carteira caso o Senhor Jóia se distraia demasiado...
Além disso, se a Bacouca e a Patti também aconselham, o Mike deve saber do que fala...(risos)

Ó colega então esse surf todo ainda não lhe tirou as marcas das ditas?

Arquivo do blog