20.12.08

A primeira Lei de Newton.

Pensei em voltar a desconversar trazendo à baila o tema do Natal. Ponderei e desisti. Como disse um dia Picasso, a um grupo de jovens estudantes de pintura, a inspiração é importante mas é ainda mais importante que ao surgir nos apanhe a trabalhar, que é como quem diz ao computador, nesta actividade amadora de postador. Somando a isso o meu conhecido desprendimento em relação ao Natal (estive quase a escrever aversão, mas achei demasiado severo), decerto decidi bem. Retomo a desconversa apenas com o verbo postar, que, como muitas outras actividades, requerem vontade e predisposição, mas também alguma disciplina que acaba, invariavelmente, por se tornar numa rotina boa. Pelo menos para mim tem sido. Tal como ler, pensar, fazer exercício, sexo, rir, acarinhar, conversar, ouvir ou trabalhar, a rotina de postar acaba por não ser muito diferente porque quanto menos se faz, menos se tem vontade de fazer até deixarmos de o fazer, não sentindo falta do que até aí preenchia o nosso quotidiano. Comecei a postar, há quase dois anos, influenciado por quem considero muito bons blogueiros, na altura parceiros de lide na mesma empresa. No princípio senti dificuldade em familiarizar-me com a parte técnica, e ainda hoje não considero essa parte um familiar chegado. De seguida abominei o que escrevi, ainda sem ter coragem para tornar público, e lendo o que de bom e bem se escreve na blogosfera pensei seriamente em nem me aventurar a dar o primeiro passo. Ponderei e não desisti. Porque tinha vontade e senti que precisava, que me ia fazer bem. E como na vida as pessoas não devem pensar em fazer o que gostam, antes aprender a gostar do que fazem, meti mãos à obra e pus-me a desconversar. Hoje desconverso apenas porque gosto, mas sinto que já não preciso. Ultimamente fui invadido por uma inércia jamais sentida, que se prolongou mais do que poderia imaginar. Hoje sei que se tornou inércia, apesar de ter havido inúmeras razões, todas elas válidas, para a pausa a que me impus. E não é que foi essa inércia que me fez voltar a ponderar? Inércia? Estás a ceder à inércia? Logo tu? Desta vez não precisei de ponderar e desisti. De ceder à inércia.

26 comentários:

fugidia disse...

E eu, toda lampeira, vinha aqui para me queixar do espaço apertado da caixinha de comentários lá de baixo e... YES!, para já uma caixinha só para mim! :-))))
(por pouco tempo, bem sei...)

Ah, e quando aqui vim parar, voltei para trás (decerto enganei-me, pensei); cliquei de novo no Mike e zumba: o Mister alterou o layout!
Uau! (risos)
Posso ser... hum... opinativa? Gosto mais deste do que do outro mas o azul, embora sendo a cor do mar, fica aqui um pouco mortiço... não quer ponderar cor-de-laranja? (gargalhada abafada)

Bom, este paleio todo é só para dizer: ainda bem que voltou e mandou a inércia às malvas, Mike. Já tinha saudades de desconversar :-)

Corine disse...

seja muito bem-vindo!

(sorriso largo)

JúliaML disse...

:-)

eu não disse que era preguicite aguda?

Mike disse...

Pronto, Fugidia, aqui tem a caixinha. Um certa súplica contribuiu para mandar a inércia às malvas. (risos)
Quanto ao visual, queria-o mais arejado, menos carregado, apesar de concordar consigo sobre o azul de que gosto bem mais forte, mas não há no template escolhido. Laranja não era má ideia, que é uma cor de que gosto. Mas prefiro o azul... do mar, claro. :D
Agradeço a simpática recepção. :-)

Mike disse...

Obrigado, Corine. :D

Mike disse...

Ora, menina Júlia, inércia não é preguiça, é uma Lei. Preguiça é um pecado capital e eu ainda aqui ando. (risos)
Obrigado... que já me fez rir. :-)

cristina ribeiro disse...

É que este lugar de toda a conversa ( des, porquê? :) já estava vazio havia tempo demais!
Volte ao lugar de onde nunca devia ter saído, faça favor! :)

ana v. disse...

Ah, gosto de te saber de volta. Ainda bem que a inércia não te venceu, e logo vi que havia de ser por aí que voltarias à desconversa... ;-)

Gosto do layout e do azul.

Mike disse...

זהו תענוג לחזור, Cristina. E como vê, sou um rapaz bem mandado. ;-)

Mike disse...

Obrigado pelas tuas palavras, Ana. E como sabias tu que seria apor aí que voltaria a desconversar, hein?
(risos)

JúliaML disse...

se o Mister não voltasse antes do Natal para nos dar este aconchego como só ele sabe, eu nunca mais lhe olharia para as "ventas" dele, digo letras. :-))

Mike disse...

(gargalhada)
Ó Júlia, antes não olhar-me nas "ventas" que dar-me nelas. (muitos risos)

sum disse...

Estava a ver que nao.
A pressa de lhe dar as boas vindas é tanta que ate aprendi a faze-lo do telemovel.
Ja tinha saudades de toda esta boa disposicao.
Sum

Mike disse...

(risos)
Que boa surpresa, Sum... dito por mim, que nem gosto de surpresas... (mais risos)
Bem vinda, é um prazer tê-la por aqui a desconversar. Ah, e deixei-lhe outro comentário ao "Jogo". ;-)

sum disse...

Pois que já vi e até já respondi. :P

Ah e, muito obrigada por este recebimento tão caloroso!!!
;)))

Luna disse...

Bem vindo de volta
:-)

José, o Alfredo disse...

Devias era levar com uma maçã na pinha, ó inerte. Nós, os agarrados à caixinha, te saudamos. E mais um voto a favor do facelift.

Mike disse...

Sum, não te que agradecer, a sua presença aqui é um privilégio. :-)

Mike disse...

Luna, :-)

Mike disse...

Avé José! O ex-inerte te saúda.
Abraço.

Luísa disse...

Mike, que belíssima surpresa... de Natal! ;-)

Mike disse...

Muito obrigado Luísa. É muito simpático da sua parte. :-)

Nuno Castelo-Branco disse...

É o meu estado natural! ehehehe

Mike disse...

(risada)
Um prazer vê-lo por aqui, Nuno.
Abraço.

Grande Jóia disse...

Só agora é que vi que voltou...Era de esperar:)
Estavamos aqui à espera das suas desconversas.
Foi apenas um pequeno intervalo para nos atazinar:))

Mike disse...

:-)
E quem disse que atazinar às vezes não faz bem? Atazinar, agitar...
Gosto de a ver por aqui a desconversar. :-)